Vendas no e-commerce continuam aumentando em 2018

Vendas-Ecommerce

Uma análise feita sobre as vendas no Brasil em 2018 continua positiva, continuando o progresso do ano passado, de acordo com o indicador de varejo da Mastercard (SpendingPulse). Foi constatado um aumento de 3,6% no total das vendas, quando comparado ao mesmo período de 2017. Os únicos setores que não seguiram esta linha foram os de automóveis e materiais de construção.

Quando se trata de e-commerce, é ainda mais significativo. Aumento de 23% se comparado com o mesmo período do ano anterior. Os setores que mais vendem são de eletrônicos.

Segundo César Fukushima, Economista-Chefe da Mastercard Advisors no Brasil, essas perspectivas positivas sobre o varejo perduram desde julho de 2017: “Apesar de uma economia com vários desafios, o cenário varejista se mantém otimista, reflexo da queda na taxa de desemprego e, consequentemente, do aumento da confiança do consumidor”, ressalta.

Cinco setores do comércio tiveram desempenho acima do esperado em janeiro: supermercado, material de construção, artigos farmacêuticos, móveis e artigos de uso pessoal. Vestuário e combustíveis, em contrapartida, ficaram abaixo da média.

Veja abaixo, o desempenho conforme cada região do Brasil, em relação a janeiro de 2018:

  • Norte (4,3%);
  • Nordeste (2,8%);
  • Sul (3,2%);
  • Sudeste (2,8%);
  • Centro Oeste (-0,4%).

Outra informação importante é que grande parte das compras online estão sendo feitas através de dispositivos móveis, devido a praticidade e agilidade.

De acordo com uma pesquisa feita pela Nuvem Shop, em 2016, os dispositivos móveis ultrapassaram os acessos por desktop, chegando a 58%, e os dispositivos fixos ficaram com 42%. Em 2017, os números deram um salto, onde as visitas recebidas de smartphones e tablets chegaram a 69%, deixando o desktop completamente para trás, com apenas 31% dos acessos.

A mudança no comportamento dos usuários em relação ao dispositivo preferido de acesso às lojas online refletiram-se diretamente nas vendas, passando de apenas 30% das vendas efetivadas via mobile em 2016, para 45% em 2017.

Você pode verificar o relatório completo da Nuvem Shop clicando aqui.

Fonte: https://www.ecommercebrasil.com.br/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s