Heat Map – Entenda o comportamento do usuário em seu site

Heat-Map-Tiny-ERP

Você já está utilizado Heat Map para melhorar a taxa de conversão em seu site? Este post vai te ajudar a compreender de que forma a utilização deste indicador pode melhorar seus resultados.

O que é Heat Map?

Heat Map, ou mapa de calor, é um indicador sobre as interações feitas pelo público em uma página na web. Através da análise destes indicadores, é possível identificar quais áreas da página chamam mais a atenção do visitante e quais devem ser melhoradas. Também podem gerar insights para novas ideias de usabilidade.

Este termo é derivado de uma tecnologia utilizada para monitoramento de ambientes, onde o rastreamento é feito através do calor do corpo.

De acordo com um estudo do Nielsen Norman Group, o que aparece na parte superior da página influencia consideravelmente a experiência do internauta, independentemente do tamanho da tela. Os usuários da web gastam 80% do seu tempo olhando para a informação acima da dobra da página, enquanto apenas 20% de sua atenção vai para a parte inferior.

A representação do Heat Map é feita através das cores. São utilizadas cores quentes e frias para identificar as áreas com maior ou menor temperatura, ou seja, maior atividade.

ColorSpectrum1.jpg

O monitoramento da performance de seu site é de extrema importância, para que você possa analisar se a estrutura do site está de acordo com o que o público busca.

Os resultados são informados em relatórios conforme o tipo de Heat Map utilizado.

Tipos de Heat Map

Os relatórios gerados através das ferramentas, podem ser de três tipos:

  • Hover Maps: Serão mostradas as áreas em que o visitante moveu o mouse na tela do site. Há contradições quanto ao uso deste tipo, visto que é possível estar com o mouse parado em um local, mas estar olhando para outro.
  • Click Maps: O mapa é gerado conforme os cliques feitos em determinado local do site. É legal para avaliar se os cliques estão sendo feitos em botões call to action, ou em locais onde não há link.
  • Scroll Maps: Analisa como as pessoas movem a barra de rolagem no site, em que ponto elas param ou se algo as faz voltar.

Como começar a utilizar Heat Map?

Para começar, é preciso escolher a ferramenta certa, a que é mais adequada a necessidade de sua empresa. Os passos para realizar a integração em seu site devem ser conferidos com o integrador, pois pode ser diferente para cada ferramenta.

Com a configuração feita, que comecem os trabalhos!

Escolha as páginas de seu site que deseja monitorar. A partir deste momento, a ferramenta escolhida vai gerar um screenshot das páginas, informando os locais de maior clique e os que não são tão visualizados.

Ferramentas de Heat Map

Existem diversas opções de ferramentas para que você possa utilizar e realizar a análise de uma página. Iremos te mostrar algumas delas:

  • Crazy Egg: É uma das ferramentas mais conhecidas no mercado quando se trata de mapeamento de calor. Seus relatórios são bem completos e claros. É possível utilizar gratuitamente por 30 dias.
  • Hotjar: Consegue integrar outros recursos, para total entendimento do comportamento do usuário, como pesquisas de soft pop-ups, análise de formulários e funis de conversão. Além de versões gratuitas, é possível testar o plano Plus por 15 dias.
  • SumoMe: Gratuito e funciona em sites. inclusive como plugin para o WordPress.
  • Clicktale: Voltado para sites com grande número de visitas. É preciso solicitar um contato comercial no site, caso queira utilizar. Muito utilizado em e-commerce, pois revela informações importantes sobre a perda de vendas na hora da conversão.

Tiny-ERP-Heat-Map.jpg

Conclusão

Ter um site atrativo, que desperte a atenção do target é legal, mas um site que, além disso, seja otimizado para aumentar as conversões, é um sonho.

A ferramenta de Heat Map é uma forma de analisar a performance de seu site e avaliar se os visitantes estão tendo uma boa experiência na visita.

O uso de Heat Map pode auxiliar no insight para que a usabilidade de seu site seja cada vez melhor, mantendo o usuário conectado mais tempo e por fim, realizando a conversão.

Sobre Daniela Borsoi

Estudante de Publicidade e Propaganda. Interesse em marketing de conteúdo e branding. Apaixonada por séries, filmes e uma boa música.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s