Bem-vindo ao blog do Tiny

Loja virtual sem estoque: entenda como isso é possível

Loja virtual sem estoque: entenda como isso é possível

27.05.2020 por Laika em artigos-tiny, E-Commerce

Entenda como é possível ter uma loja virtual sem estoque físico através de soluções disponíveis no mercado.

Ter um negócio próprio é desafiador e exige bastante estudo, planejamento e entendimento do mercado e das particularidades do segmento, sobretudo para quem vai atuar com a venda de produtos e precisa se preocupar com o estoque.

Ter uma loja sem um estoque parece algo de outro mundo. Mas, para uma operação online, esta pode ser uma realidade com benefícios para a empresa. É possível armazenar produtos em depósitos de terceiros e até comprar mercadorias só depois da venda ser concretizada.   

Neste post, você vai entender como é o funcionamento de uma loja virtual sem estoque e quais são os passos para montar um negócio nesse formato. Boa leitura.

Entenda como funciona uma loja virtual sem estoque

Por meio de serviços de terceiros, é possível ter uma loja virtual sem estoque, minimizando os custos para manter as mercadorias disponíveis. É um formato que pode ser utilizado para diferentes objetivos:

  • vender produtos personalizados, que não permite estoque pronto para envio, devido a grande variedade. Imagine, por exemplo, uma loja que permite escrever o nome em uma camiseta. As possibilidades são infinitas, não sendo viável manter estoque disponível para pronta entrega;
  • economizar com espaço de armazenamento ou por simplesmente não ter um depósito apropriado para estocar as mercadorias; 
  • tornar as entregas mais rápidas, através de depósitos localizados estrategicamente em diversos locais do país.

Para alcançar os diferentes objetivos, é necessário encontrar bons fornecedores e serviços. Você precisa formar uma parceria que atenda aos prazos de entrega das mercadorias, lembrando que a experiência do cliente com a compra precisa ser agradável, independentemente do processo interno de envio escolhido pela empresa. 

O consumidor não se importa se o item está disponível para envio imediato ou se a empresa precisa comprar a mercadoria para depois efetuar o envio. O importante para ele é receber o produto correto, dentro do período de entrega combinado, que são responsabilidade do vendedor. 

Saiba como funciona uma loja virtual sem estoque

Uma das maiores vantagens em manter uma loja virtual sem estoque, é poder comprar apenas os produtos que foram vendidos. Isso faz com que os investimentos em mercadorias sejam corretos, evitando gastos com estoque parado.

Em outras palavras, em uma operação sem estoque, o fornecedor e os prestadores de serviço só são acionados quando a compra já foi concretizada. Para tornar esta uma realidade na empresa, você pode contar com os serviços de Fulfillment, Dropshipping e Sob Encomenda. Entenda como cada um deles funciona e se é possível aplicar no seu negócio.

Fulfillment

O serviço fulfillment oferece aos vendedores um depósito exclusivo para ser utilizado como estoque. Você compra produtos e a empresa Full mantém seus produtos nesses locais. 

Quando você vender, a empresa que presta o serviço de Fulfillment se torna responsável pelo envio. Como são localizados em pontos logisticamente estratégicos, podem tornar as entregas mais rápidas, melhorando a experiência de compra do cliente.

Dropshipping

Neste modelo de envio de mercadorias, o estoque utilizado é o do fornecedor, e não o da sua empresa. Assim, quando você receber um pedido, entra em contato com o fornecedor para efetuar a compra da mercadoria que foi vendida. 

Com os processos de compra realizados, ao invés do fornecedor enviar os produtos para sua empresa, enviará diretamente para o cliente.

Para que este modelo funcione, a boa comunicação com os fornecedores é fundamental. Seus gastos são menores por não precisar de estoque, mas você precisa assegurar que o fornecedor terá os itens no estoque e que enviará corretamente ao cliente, garantindo a satisfação com a compra.

Sob encomenda

O Sob Encomenda é um recurso oferecido pelo Tiny ERP. É uma função que permite a venda mesmo sem a empresa possuir estoque físico para envio imediato do produto. 

Com esta funcionalidade, você disponibiliza para venda a quantidade de produtos que consegue comprar do seu fornecedor caso houver vendas concretizadas em plataformas, marketplaces e também na loja física. Por exemplo, vou disponibilizar 10 unidades de um produto para venda, pois é isto que consigo comprar do meu fornecedor. 

Conforme as vendas, você efetua as compras e o fornecedor envia as mercadorias para sua empresa, que é a responsável por liberar os pedidos para os clientes.

Nesta opção, o prazo de entrega passa a ser maior, visto que você precisa comprar as mercadorias vendidas. Mas é uma forma eficiente de não ter estoque parado, gerando custos para a empresa.

Just in Time

Criado no Japão, o Just in Time é utilizado principalmente na indústria automotiva. Esse sistema é semelhante ao Sob Encomenda, e visa reduzir custos com estoque e armazenamento e garantir a entrega dos produtos no prazo certo, ou, como o nome diz, no momento certo.

Por exemplo, uma empresa precisa de uma certa quantidade de itens de matéria-prima. Então, ela solicita ao seu fornecedor, que faz a entrega com agilidade. Esse processo, no entanto, exige muito cuidado, uma vez que é mais indicado quando se trabalha com previsibilidade de demanda, poucos fornecedores e, de preferência, um bom acesso logístico a esses fornecedores para que não aconteçam imprevistos no percurso da entrega.

No e-commerce, esse sistema também pode ser aplicado, seja com o produto final ou com itens de matéria-prima, mas é interessante seguir os cuidados que falamos no parágrafo anterior para não sofrer com problemas de atraso e falta de disponibilidade.

Veja as melhores dicas para ter sucesso com um e-commerce sem estoque

Agora que você já sabe como funciona um e-commerce sem estoque e suas modalidades, vamos lhe mostrar algumas dicas importantes de como fazer isso dar certo na prática.

Conheça e escolha fornecedores de confiança

É fundamental ter bons fornecedores em qualquer tipo de negócio. Quando pensamos em uma loja virtual sem estoque, isso ganha mais peso.

Um comportamento comum dos consumidores online é a ansiedade em receber suas compras a partir do momento que o pedido é concluído. Em um país como o nosso, que tem um enorme espaço territorial, a distância pode fazer com que as entregas demorem bastante, mesmo que não haja nenhum problema no caminho. Isso aumenta a importância de ter fornecedores de confiança.

Se você escolher empresas que falham nas entregas e que não cumprem os prazos combinados, certamente seus clientes ficarão insatisfeitos e não farão novos pedidos.

Por isso, conheça bem os seus fornecedores, busque referências e converse com outras empresas para atestar sua qualidade de entrega.

Tenha atenção à logística

Outro ponto importante ao trabalhar com um e-commerce sem estoque é a logística. O posicionamento da empresa deve ser estratégico para que você possa atender o maior território possível com agilidade.

A localização dos fornecedores também é crucial, assim como rotas de transporte e distribuição.

Além dos fornecedores, analise também quais serão as empresas que farão o transporte das suas mercadorias até os clientes. Novamente, o local escolhido para a instalação física da empresa será crucial, pois se não houver muitas opções de empresas transportadoras, o negócio ficará bem prejudicado.

Conte com uma equipe preparada e ágil

Por fim, ter uma equipe que entenda bem o funcionamento do negócio também vai ajudar a aproveitar as vantagens desse tipo de empreendimento e a não sofrer com as desvantagens.

A equipe, em geral, deve estar sempre atenta e buscar resolver os problemas com rapidez e eficiência.

Saiba como um ERP pode ajudar nessa gestão

Para trabalhar sem estoque, sua empresa precisa de um suporte para ter segurança, tanto na hora de vender quanto na de comprar. É preciso ter um sistema que informe as vendas que foram realizadas e quais são os produtos que precisam ser comprados. 

A decisão de terceirizar alguns processos exige organização e boa comunicação, para que no fim, o cliente receba corretamente os produtos que comprou dentro do prazo de entrega.

Contar com um ERP é uma boa estratégia para centralizar todas as informações, conectando compras, vendas e fornecedores para evitar erros. Além disso, o sistema reduz o tempo necessário para cada tarefa, otimizando e tornando o dia a dia mais produtivo.

Por meio do ERP, você terá uma gestão completa das operações, para que sua empresa fique organizada e possa crescer de forma estruturada.

Conclusão

A boa imagem e a reputação de uma loja estão na capacidade de atender aos clientes com rapidez, eficiência e experiência positiva. Você não precisa ter um estoque para garantir que a mercadoria será entregue ao seu cliente no tempo adequado e sem erros.

Analise as possibilidades de terceirização e de comprar produtos apenas após a venda. Se faz sentido para seu negócio, pode ser uma grande oportunidade para sua empresa diminuir custos com mercadoria parada e crescer investindo em outras estratégias.

É importante lembrar que, para colocar em prática, é preciso ter um bom relacionamento com os fornecedores e prestadores de serviço, fundamentais para que uma loja sem estoque funcione corretamente.

O Tiny ERP pode te ajudar a organizar a empresa oferecendo soluções que facilitam a rotina das vendas online. Com funcionalidades operando a favor do seu negócio, você terá tempo para fazer a gestão como ela deve ser: analisando compras, vendas, faturamento, estoque, finanças e garantindo que os resultados melhorem a cada dia.

Se você gostou deste post, continue em nosso blog e aproveite para aprofundar o seu conhecimento sobre o fulfillment e como usá-lo no seu e-commerce. Boa leitura.