Bem-vindo ao blog do Tiny

Cobertura de estoque: controle para otimizar seu negócio

Cobertura de estoque: controle para otimizar seu negócio

08.02.2022 por Laika em Gestão

Entender a cobertura de estoque é fundamental para que a empresa faça compras assertivas, economizando tempo e dinheiro.

Ir ao encontro da necessidade e desejo do cliente é o objetivo de qualquer empresa. Garantir que haja estoque do produto pode se tornar um desafio quando não há organização e planejamento necessário, perdendo, naturalmente, boas oportunidades de venda. Para limitar esse tipo de ocorrência, foi criada a cobertura de estoque.

Essa cobertura assegura que sempre exista uma reserva de mercadoria, por meio de um cálculo simples que pode evitar prejuízos consideráveis.

O que é cobertura de estoque?

Ter um bom controle de estoque pede disciplina, principalmente em grandes empresas, em que há um grande volume e movimentação de produtos.

A cobertura de estoque é um índice que mensura o tempo que um item passa no estoque de uma empresa (em outras palavras, o tempo que ele leva para ser vendido). Com esse número, é possível descobrir se a quantidade disponível será suficiente para cobrir demandas no futuro ou se é preciso complementar. Essa técnica não é válida apenas para o varejo. Qualquer empresa, de qualquer segmento que conte com um estoque, pode usá-la.

Uma grande vantagem é poder contar com a tecnologia. Não é preciso criar dezenas de planilhas para fazer o acompanhamento e a atualização diária. Um software de gestão consegue realizar essa tarefa de forma mais ágil e prática, garantindo mais assertividade e precisão.

Como se calcula a cobertura de estoque?

Para saber quanto tempo o estoque vai durar para atender as demandas de vendas, basta dividir as peças vendidas pelo número de dias. Entenda melhor com o exemplo abaixo.

Produto: travesseiro
Período: 01/10/2019 a 31/10/2019
Peças vendidas: 26
Estoque: 55 unidades

Primeiro, calcula-se a média de vendas, que é a divisão das peças vendidas pelo número de dias: 26/31 = 0,83.

Com essa média, calculamos a cobertura, dividindo a quantidade de estoque pela média de peças vendidas no período de tempo: 55/0,83 = 66. Isso significa que vai levar, em média, 2 meses para zerar o estoque de travesseiros.

Cabe explicar que, quanto menor for o índice de cobertura, mais numerosas serão as chances de o produto faltar na sua vitrine. Em contrapartida, quanto maior for o número, menos o lojista vai precisar se preocupar com sua reposição a curto prazo.

Quais são as vantagens de mensurar a cobertura de estoque?

Informações como a cobertura de estoque são fundamentais para manter um armazenamento sustentável de produtos. Tão essencial quanto essa organização, que permite otimizar tempo e espaço, é poder fidelizar clientes, que vão lhe procurar com mais frequência por saberem que encontrarão o produto desejado.

Otimização de vendas

A cobertura de estoque permite identificar quais produtos devem ser comprados pela empresa, assim como os que estão parados em estoque. Assim, ajuda a criar estratégias para melhores compras e também gerar vendas. Com uma cobertura de estoque adequada, o lojista não fica sem produtos para vender e também evita grande quantidade de itens parados.

Maior lucratividade

Essa é uma consequência natural da otimização das vendas, mas não se limita a isso. Uma vez que há uma maior organização do estoque, é possível também otimizar tempo e trabalho. Dessa maneira, aumenta-se a produtividade dos times, permitindo-lhes serem mais assertivos e focando em soluções comerciais mais estratégicas, reduzindo outras despesas.

Fidelização de clientes

Se toda vez que o cliente precisa de um produto ele o encontra na sua loja, é provável que ele faça visitas cada vez mais frequentes. De acordo com uma pesquisa da Nielsen, uma empresa global de pesquisa e análise de dados, 50% dos consumidores que não acham o produto que estão procurando optam por mudar de loja. Em outras palavras, a falta de uma boa experiência de compra causa danos bem mais sérios que a perca da venda.

Portanto, esse é um dos principais benefícios de calcular a cobertura de estoque: usá-la como estratégia para atrair mais consumidores, aumentando a credibilidade das negociações e do negócio em si.

Como usar a cobertura de estoque no dia a dia da empresa?

Ciente de como o cálculo é feito e de quais são suas principais vantagens, resta recomendar algumas boas práticas para adaptar a cobertura de estoque ao dia a dia do seu negócio. Veja as dicas a seguir.

Use valores precisos

A cobertura de estoque é muito útil e pode dar vários insights ao gestor. Trata-se de uma estimativa que vai auxiliá-lo em seu plano comercial e financeiro. Quanto mais precisa ela for, melhor para fazer os outros cálculos. Com a experiência e o passar do tempo, os resultados serão cada vez mais assertivos.

Considere as variáveis

Todo segmento, especialmente no ramo varejista, conta com períodos bons e outros nem tão bons assim. Portanto, independente dos valores apurados no cálculo da cobertura de estoque, considere que nos meses com maior movimentação do mercado, é natural que as vendas aconteçam com mais frequência. Condições econômicas também influenciam nesse processo. É essencial que todo gestor acompanhe notícias do setor de economia e considere-as na hora de fazer seu planejamento comercial.

Invista em tecnologia

Um bom investimento em uma empresa é o que lhe traz retornos expressivos e, se possível, em pouco tempo. Esse é o caso do ERP, que trata-se de um sistema de gestão. Com sua ajuda, o lojista economiza tempo, já que o ERP viabiliza a integração dos processos internos, como financeiro, vendas, estoque etc.. É um excelente aliado para otimizar as atividades rotineiras e evitar erros relacionados a gestão.

Conclusão

Calcular a cobertura de estoque é uma boa prática para sua empresa. Seu exercício melhora o planejamento, otimiza a organização e traz resultados em curto prazo. Com a prática desse cálculo, há mais equilíbrio entre o momento de compra e venda dos produtos da loja, facilitando a tomada de decisão e, claro, evitando prejuízos.

Na Tiny, o Necessidade de compras gera um relatório com resultados precisos e seguros para sua loja. Ele tem o objetivo de indicar as coberturas dos estoques de produtos que estão relacionados em vendas ou que atingiram o estoque mínimo. Além disso, é possível usar as informações de vendas dos últimos meses para calcular as compras futuras de até 3 meses, a fim de ser mais assertivo.

Com essa operação automatizada, você promove mais eficiência em menos tempo, direcionando os esforços operacionais para atividades mais estratégicas.

Nosso conteúdo sobre cobertura de estoque foi útil para o seu negócio? Siga-nos no Facebook e Instagram e assine nossa newsletter.