Bem-vindo ao blog do Tiny

O que é dropshipping nacional?

O que é dropshipping nacional?

17.02.2022 por Laika em Logística

O dropshipping pode ser utilizado como estratégia logística para acelerar o processo de entrega no e-commerce. Entenda.

O dropshipping nacional pode ser uma boa solução para as lojas virtuais brasileiras. Muitos comércios online do Brasil e do mundo utilizam esse modelo de comércio virtual essa para economizar e otimizar seus processos de vendas, de modo a oferecer variados produtos sem precisar de um estoque físico para operar.

Se você quer entender do que se trata o conceito de dropshipping e como isso funciona no Brasil, continue lendo nosso artigo. Nele, você verá sobre as vantagens e diferenças que esse modelo pode oferecer para seu negócio e como é possível começar a aplicá-lo em sua empresa. Boa leitura.

Sobre o Dropshipping 

O dropshipping é um modelo de loja virtual que opera sem a necessidade de um estoque próprio. Assim, quando o comerciante que trabalha com essa modalidade realiza uma venda, o fornecedor responsável pelo produto em estoque é notificado para dar continuidade ao processo até a entrega ao consumidor.

Em outras palavras, trata-se de um e-commerce que apenas se encarrega da exibição e comercialização de produtos de terceiros. Demandas como produção, armazenagem e envio do item ao comprador são de responsabilidade desse parceiro terceirizado.

Dropshipping nacional e internacional

A modalidade de negócio pode ocorrer tanto quando ambas as partes estão alocadas em território nacional quanto quando os parceiros encontram-se em diferentes regiões do mundo. 

Uma das principais diferenças entre o dropshipping internacional em relação ao nacional está na comunicação entre as partes envolvidas. A depender do seu nicho e perfil de negócios, contornar situações pontuais ou realizar negociações em casos de operações realizadas do início ao fim no Brasil pode representar um processo mais tranquilo quando comparado a situações que envolvem outros países.

Dessa forma, o dropshipping nacional se apresenta como uma ótima opção para os empreendedores que querem trabalhar com a modalidade de negócio, mas não têm o domínio de outras línguas.

Além disso, ao operarmos no modelo de dropshipping internacional estamos à mercê de políticas internacionais que podem ser, em alguns casos, imprevisíveis e fugir do controle do empreendedor, comprometendo a evolução dos negócios.

O tempo médio de entrega também é um fator que diferencia as modalidades. Existem alguns processos de dropshipping internacional que podem levar meses até a sua conclusão. Essas questões podem causar muita dor de cabeça, como o cancelamento de compras já realizadas por seus clientes.

Vantagens do dropshipping nacional para o e-commerce

Existem grandes vantagens ao se optar pelo uso do dropshipping nacional no e-commerce. Listamos algumas delas a seguir para que você avalie se esse modelo faz sentido para o seu empreendimento. Assim, é possível adaptar as suas operações a fim de alcançar os melhores resultados. 

Redução de custos

Aluguel, energia elétrica, pessoal para colaboração nas tarefas, entre outros tantos gastos fazem parte da rotina de administração de um armazém ou depósito. Utilizando o dropshipping nacional não há essa necessidade de manutenção do estoque da loja, pois toda a responsabilidade de envio fica por parte do prestador de serviço terceirizado. 

Operar seu e-commerce sem ter a possibilidade de mercadorias paradas e sem a necessidade de monitoramento da validade e qualidade do produto — principalmente em caso de comércio de perecíveis, por exemplo — haverá maior economia na utilização de recursos que poderão ser aplicados em outras áreas para o desenvolvimento de sua loja virtual, como marketing e otimização do atendimento ao cliente.

Maior variedade de artigos

Como você não precisa adquirir mais espaço físico para armazenar seus produtos, bastando contar com a adição de produtos à sua vitrine virtual, torna-se mais fácil disponibilizar uma gama maior de opções aos seus clientes. Conforme as vendas acontecerem, o responsável pelo Dropshipping faz o envio dos produtos.

Flexibilidade de trabalho remoto

Com o dropshipping, de modo geral, o dono da loja é quem faz a manutenção rotineira no site. Muitas vezes produz e otimiza as descrições de produtos em todo o sistema, entre outras pequenas tarefas que precisam apenas de um computador e de uma conexão à internet para serem realizadas. 

Se você sonha com a possibilidade de trabalhar de qualquer lugar e no horário que quiser, essa adaptação da sua loja pode ser uma ótima escolha.

Facilidades operacionais com o uso de tecnologias

Com as evoluções nos modelos de envios de encomendas — e com uma alta concorrência entre as empresas de transporte — está cada vez mais simples atender qualquer lugar do Brasil com seu e-commerce ao operar usando o modelo de dropshipping.

Você pode planejar seu envio diretamente com o fornecedor e subtrair essa tarefa da sua lista de responsabilidades. Com a escolha e uso correto dessas tecnologias, você pode automatizar todo o processo e ter mais tempo para otimizar as tarefas de monitoramento, atendimento e resolução de conflitos em seu comércio virtual.

Como sua empresa pode vender mais com dropshipping nacional

A ideia de utilizar o dropshipping nacional pode ser uma ótima alternativa para expandir as suas vendas. Isso porque a modalidade traz mais uma possibilidade de atuação para o seu negócio. Para você que já tem uma loja virtual e deseja começar a utilizar o modelo, o mais importante é começar e fazer os testes necessários em etapas, incluindo poucos produtos por vez.

É possível, por exemplo, mesclar produtos vendidos na modalidade de dropshipping com produtos estocados — isso dará a possibilidade para testes de mercadorias nas quais você ainda não tem tanta confiança de que haverá uma saída favorável em sua loja virtual.

Conclusão

Vimos, no decorrer deste artigo, o que é dropshipping e dropshipping nacional, que acaba sendo mais simples e ideal para quem não tem muita prática com logísticas mais complexas e com o comércio exterior. 

Essa modalidade de comércio virtual oferece uma série de vantagens e apresenta-se de maneira muito flexível no mercado, podendo ser aproveitada por empresas e lojas virtuais de todo o país com facilidade.

Gostou deste post? Saiba mais sobre o ecossistema do e-commerce assinando nossa newsletter. Receba gratuitamente os nossos conteúdos diretamente em sua caixa de entrada.