Bem vindo ao blog do Tiny

ERP na nuvem: entenda as diferenças e saiba porque escolher

ERP na nuvem: entenda as diferenças e saiba porque escolher

09.09.2019 por Laika em ERP

Um ERP é importante para tornar a rotina da empresa mais prática. No entanto, você conhece as diferenças entre ERP na nuvem e local? Conheça nesse post.

Um sistema ERP é fundamental para que a gestão de um e-commerce seja realizada com o máximo de produtividade e o mínimo de falhas. Um ERP na nuvem faz a diferença, principalmente quando o intuito é ter informações sempre disponíveis, tomar decisões mais assertivas e minimizar os custos da operação.

Gerir a loja exige certos cuidados. É preciso lidar com logística, controlar o fluxo dos pedidos e os estoques, tudo de forma ágil para que não atrase o envio dos pedidos aos compradores.

É por isso que é preciso investir em soluções tecnológicas, que auxiliem na gestão. Preparamos este artigo para te mostrar o que é um ERP na nuvem e quais as vantagens de utilizar este sistema para organizar a rotina da empresa.

O que é ERP na nuvem?

Primeiramente, um ERP (Enterprise Resource Planning) é um sistema de gestão empresarial que auxilia a gerir as atividades do dia a dia de uma empresa. É um sistema completo, que centraliza as informações de diferentes setores de uma organização, para auxiliar na tomada de decisões. Ele pode ser utilizado por diferentes negócios, como comércio, indústria, serviço e e-commerce.

Uma de suas vantagens é permitir a integração com plataformas, marketplaces e outros sistemas que agilizem o trabalho rotineiro, como ferramentas de marketing. No ERP, o empreendedor pode controlar todos os principais processos, como: 

Um ERP na nuvem é também chamado de ERP SaaS (Software as a Service) e é fornecido como um sistema por assinatura. Por não exigir instalação, pode ser acessado em qualquer dispositivo que tenha acesso a internet. Já um ERP local, ou On Premise necessita de instalação e só pode ser acessado nas máquinas que estiver instalado.

Quais as principais diferenças entre um ERP na nuvem e os outros?

Agora que você sabe o que é ERP, vamos observar as principais diferenças entre um ERP na nuvem e um local?

Instalação

A instalação de um ERP local é feita no próprio servidor e hardware da empresa. Isso exige uma equipe especializada para deixar o sistema funcionando e realizar as constantes customizações e atualizações.

O ERP na nuvem não necessita de instalação e pode ser acessado em celulares, tablets e computadores.. Após a criação de uma conta no sistema ERP escolhido, ele já está pronto para ser utilizado na empresa. As atualizações são realizadas de forma automática pela empresa que desenvolvou o ERP, sendo assim a empresa que contratar não precisa se preocupar.

Armazenamento

Com o volume de atividades na rotina de uma empresa, podemos imaginar a quantidade de informações que são geradas diariamente. Imagine, então, um e-commerce, que precisa controlar os pedidos, atualizar estoques, preços e produtos em tempo real. E após meses e anos? Onde todos esses dados são guardados?

Enquanto um ERP local armazena as informações no próprio hardware da empresa, exigindo um investimento na expansão dessa memória, um ERP na nuvem guarda as informações em servidores externos de alta segurança, garantindo a preservação dos dados.

Valor

Um ERP na nuvem tem seus custos previsíveis. Como o serviço é oferecido por assinatura, é possível saber o valor a ser pago mensalmente e, ainda, prever os aumentos, na hipótese de expansões. 

Um ERP local, além de necessitar da aquisição do sistema, demanda investimento na infraestrutura do servidor, a fim de tornar possíveis a sua utilização e os armazenamentos. Ademais, existem algumas despesas de atualizações com relação a operações de TI, para manter o sistema funcionando. Assim, os custos podem ser menos previsíveis ao longo do tempo.

Acesso a informações

No ERP na nuvem, as informações são acessadas e armazenadas via internet. Isso tende a tornar maior a segurança dos dados, visto que o risco de serem perdidos ou acessados por pessoas não autorizadas são menores.

No ERP local, tudo fica por conta da empresa. As informações são disponibilizadas pelo próprio hardware, no entanto, é preciso ter cuidado com o vazamento de dados e com o armazenamento. Perder informações importantes é arriscado para o futuro do negócio.

Quais as vantagens de um ERP na nuvem?

Um ERP traz muitas vantagens para a otimização das operações. Como um dos requisitos para o sucesso nos negócios é a organização, ele oportuniza ao gestor mais planejamento e monitoramento.

Além disso, o ERP na nuvem tem algumas outras vantagens para a empresa.

Acesso remoto

Imagine que você precisa se ausentar da empresa, seja para uma viagem a negócios, seja para um passeio com a família. No entanto, você ainda quer ficar a par do que acontece na empresa. Um ERP na nuvem, por possibilitar o acesso online, permite que um gestor acompanhe de perto as atividades, controlando as vendas e o fluxo de caixa, por exemplo.

Pelo próprio sistema, ele pode tomar decisões importantes, como a de requisitar novas entregas de produtos, evitando que o estoque seja zerado. Ou seja, oferece mais praticidade e confiança à gestão.

Um ERP local, ao contrário, só pode ser acessado localmente, o que impossibilitaria esse controle de forma remota. 

Maior segurança

As informações no ERP na nuvem ficam armazenadas online, o que oferece mais segurança contra roubo e acessos indevidos. Mesmo que uma das máquinas deixe de funcionar, o gestor e os funcionários conseguem encontrar o que precisam, sem comprometer a rotina das operações.

O ERP local exige mais investimento em meios para proteger os dados, já que perdas ou invasões podem trazer problemas à empresa.

Mais produtividade e velocidade

O ERP na nuvem permite que vários setores estejam conectados entre si e possam ter acesso ao mesmo tipo de informação. Isso aumenta a produtividade no serviço, pela rapidez nas consultas. 

Também podemos falar em mais velocidade nos processos, já que os servidores da empresa não ficam comprometidos com o espaço exigido para manter os dados. 

Dessa forma, um ERP na nuvem pode ser a solução para quem deseja organizar melhor a rotina da empresa, deixando o planejamento mais prático e a tomada de decisões mais confiável.

Como escolher o ERP ideal para sua empresa?

Primeiro, é preciso ter em mente que não existe uma resposta única para essa pergunta, pois tudo dependerá das necessidades da empresa. Assim, é preciso verificar algumas informações:

  • qual o objetivo do negócio;
  • quais as ferramentas necessárias para a empresa;
  • qual o investimento disponível;
  • necessidade de informações a qualquer hora e lugar.

O Tiny é um ERP na nuvem, com diversos recursos e integrações, para organizar o seu e-commerce e agilizar o processo de faturamento dos pedidos.

Ainda é utilizado para controlar os estoques, emitir as notas fiscais, fazer a gestão financeira e logística, para que tudo aconteça conforme o planejamento. Ele centraliza as informações da empresa, para que a tomada de decisões seja mais rápida e assertiva.

Conta com planos que se adaptam a realidade de diferentes empresas, desde o vendedor que está iniciando suas vendas online até os mais experientes. Experimente.